domingo, 23 de dezembro de 2007

O natal não é mais o que era...

É uma grande verdade... O Natal já não é o que era. Eu próprio sinto isso. Faltam 1 dia para o Natal e não sinto nada sobre esta época especial. Dantes haiva um certo "cheiro" a Natal, podíamos senti-lo. Eu lembro-me de estar à beira de um colapso para abrir a minha prenda de Natal e andar durante quase um mês a ver o embrulho para ver se descobria o que era. Agora, já não. Já não tenho essa curiosidade.

O Natal é uma boa época para estar com a família, isso tudo bem. Mas vejam no que se tornou o Natal. Antigamente, o convívio era o principal. Agora, é apenas uma época de consumismo produzido pelas grandes superfícies comerciais. É verdade, o Natal tornou-se numa época de consumismo em vez de uma época de solidariedade, compaixão, etc... Falando em solidariedade, hoje em dia, principalmente no Natal, vemos muitas acções de solidariedade por parte de muita gente, televisões, empresas, etc... mas aposto que apenas 10% delas são verdadeiras, genuínas. É também uma época de publicidade.

Quem será o grande responsável por tudo isto? A sociedade que cada vez mais molda um modelo social capitalista ou será penas que estou a crescer ?

12 comentários:

Fernando disse...

Olá

Pois é, o natal agora é época de compras, todo recesso agora virou época de compras. Quem vê esse erro, que pelo menos faça sua parte. para o natal ter um verdadeiro sentido.

Abraço

Na conta! disse...

A primeira opção.

Flash House Blog disse...

Na verdade acho que é um pouco de cada! Pois undo somos pequenos não entendemos bem o espírito da coisa e o consumismo é o que nos causa ansiedade sem que saibamos disso
Quando crescemos passamos a entender melhor a parte comercial do Natal
mas tambem tem o lance de que as famílias já não se juntam como antes, em vez de fazer uma visita preferem mandar um e-mail.
Por falar nisso Feliz Natal!!!

Thaís disse...

Há anos que não me encanto com natal,teve um ano que até acho que não montei a arvore de natal.
Ele perdeu o sentido de nascimento,de familia,de religião.
Hoje em dia é porcentagem!
É deprimente :)

Gostei do blog

Vigilante Manfio, mais atrapalhado que Cusco em procissão disse...

eu sinto isso também
talvez porque eu não acredite mais em papai noel(porco capitalista)
quando eu era pequeno o natal era o máximo, agora mudou
todo mundo só quer ganhar dinheiro
e só isso, não se lembram que o natal é o nascimento de Cristo
não tem mais espírito natalino

slim shady disse...

Pois é,o NAtal só tem graça quando somos crianças ,quando ganhamos presentes,agora que somos "adultos" temos que dar presentes,então fica chato...hehe.

abraço !

Pendréz Mentos disse...

éé..
o natal n é como antes...

Raoni Frizzo disse...

Com certeza a sociedade está mais capitalista...o verdadeiro espírito da data não é mais comemorado pelas pessoas, mas sim o abundadnte consumismo!

Raoni
www.blogonews.blogspot.com

CapinaremosRH@gmail.com (Zanfa) disse...

Pode sim ;)

Heitor disse...

Eu só vejo o Natal como um momento de confraternização, onde toda a família se reúne e se confraterniza. Pra mim o Natal é como se fosse um Feriado de Ações de Graça dos americanos; nada mais que isso.

Jul!o disse...

Tens razão
O Santa Claus é mais popular que a verdadeira razão do natal: jesus.
Não sou catolico fanatico, mas acho que é obvia a inversão de valores...

sofia disse...

concordo ,o natal de hoje é dominado pela sociedade capitalista :/ fazendo essa data perder todo seu real significado